Jornal do Commercio

debate eleitoral

Declarações de Daciolo repercutiram no Twitter

Candidato do Patriota se apresentou como ''servo do Deus vivo'' e disse que ''falta de amor'' era a causa de feminicídios

JC Online

Publicado em

Às 3h57, desta sexta-feira (10), Daciolo acumulava 230 mil menções no Twitter
Às 3h57, desta sexta-feira (10), Daciolo acumulava 230 mil menções no Twitter
Foto: Kelly Fuzaro/Band

As declarações do cabo Daciolo durante o debate eleitoral da Band chamaram a atenção nas redes sociais. Às 3h57 desta sexta-feira (10), o candidato à Presidência pelo Patriota, que se apresentou como "servo do Deus vivo", acumulava 230 mil menções no Twitter, o maior número de citações entre os presidenciáveis que participaram do programa.

Um dos momentos comentados pelos usuários da rede social foi o que Daciolo citou "400 bilhões de sonegadores".

"Essa crise é uma crise mentirosa, nós vamos entrar com auditoria da dívida pública. Vamos pegar os sonegadores porque nós temos hoje 400 bilhões de sonegadores, banqueiros, emissoras, diversos sonegadores, dinheiro é o que mais tem", disse o candidato ao ser questionado por jornalista sobre o déficit fiscal.

"Falta de amor"

O presidenciável também disse que a causa do feminicídio e dos demais problemas da segurança pública é a "falta de amor". "Este é o grande problema que a nação está enfrentado hoje", afirmou.


Foro de São Paulo

Ao questionar Ciro Gomes, Daciolo disse que o candidato do PDT foi "um dos fundadores do Foro de São Paulo" e perguntou o que ele tinha a dizer sobre a União das Repúblicas Socialistas da América Latina (URSAL).  "Não sei o que é isso. Não fui fundador do Foro de São Paulo", respondeu Ciro. "É um plano da nova ordem mundial. A união de toda a América do Sul em uma nação. No nosso governo, o comunismo não vai prevalecer", assegurou Daciolo. “Democracia é uma beleza, mas paga-se um preço alto por ela, como se vê”, ironizou Ciro.

Em suas considerações finais, o cabo leu um trecho da bíblia. "Vamos levar a nação a clamar ao senhor", disse ele antes de ler um versículo de Jeremias.

LEIA TAMBÉM


MAIS LIDAS

Quer receber notícias pelo whatsapp?