Protesto

Taxistas fazem carreata no Recife nesta segunda-feira

Os manifestantes sairão da sede do Sindicato, na Imbiribeira

JC Online

Publicado em

Não conseguimos trocar de carro por causa da diminuição da quantidade de passageiros", relata Everaldo

*Atualizada às 11h22

Membros do Sindicato dos Taxistas de Pernambuco realizaram uma carreata, na manhã desta segunda-feira (17). A concentração aconteceu às 7h, na sede do órgão, que fica no bairro da Imbiribeira, na Zona Sul do Recife. Os taxistas saíram em direção à Prefeitura, no Centro do Recife, passando pela Avenida Mascarenhas de Morais, pela Avenida Sul e pelo Cais de Santa Rita. No momento, eles estão em frente à Prefeitura.

A categoria é contrária ao Táxi Metropolitano, convênio que permite que táxis de outros municípios circulem no Recife, que acontece quando há grandes eventos, como o Carnaval, por exemplo. Até o dia 31 de julho, os táxis de Olinda têm permissão para circular na Capital, por causa da Feira de Negócios do Artesanato (Fenearte). Eles também pedem maior fiscalização de aplicativos como o Uber. "Está precisando fiscalizar mais. Além do Uber, tem gente fazendo transporte clandestino em frente aos Shoppings, em eventos", declarou Everaldo Menezes, presidente do Sindicato dos Taxistas.

Segundo ele, a falta de fiscalização tem impactado na diminuição da renda da categoria. "Não conseguimos trocar de carro por causa da diminuição da quantidade de passageiros", relata. Ainda na pauta de reivindicação está a agilidade da Prefeitura nas respostas de processos judiciais; a regulamentação dos carros particulares (com limitação de frota); a implantação do TaxiGov Municipal e a agilidade no credenciamento do aplicativo UNITAXI.

Outra manifestação

No mês passado, centenas de taxistas saíram em carreata na Avenida Agamenon Magalhães, em direção ao Fórum de Joana Bezerra, no Centro do Recife. Eles protestaram contra a liminar que autoriza a prática de transporte de passageiros através de aplicativos de celular. Participaram da manifestação taxistas de onze municípios da Região Metropolitana do Recife (RMR).

MAIS LIDAS